TRATAMENTOS

Fertilização In Vitro

Mais conteúdo
Fertilização In Vitro

A fertilização in vitro (FIV) é o procedimento mais avançado e complexo, disponível no campo da Medicina Reprodutiva, atualmente. Além disso, é o tipo de tratamento no qual se alcança as melhores taxas de sucesso. Em resumo, uma vez em posse de óvulos e espermatozoides do casal no laboratório de embriologia, o método inclui um espermatozoide selecionado em um óvulo maduro, para que ocorra a fertilização.

A FIV é indicada para casais que não tiveram sucesso em outros tratamentos de baixa complexidade, ou devido a outros motivos específicos. O procedimento consiste em promover o encontro dos gametas sexuais (óvulo e espermatozoides) em laboratório e transferir os embriões resultantes desse encontro para o interior do útero.

Procedimentos
Utilizando medicações de última geração (estimuladores ovarianos produzidos pelas técnicas de DNA recombinante), realiza-se o desenvolvimento de folículos ovarianos por um período aproximado de 12 dias. Durante o processo, um rigoroso acompanhamento é realizado, por meio de ultrassonografias seriadas, além de exames laboratoriais.

Quando os folículos se desenvolvem de maneira adequada, promove-se o amadurecimento dos óvulos e a retirada deles por punção ovariana.

Os espermatozoides são coletados e, então, é realizada a fertilização do óvulos pela técnica de ICSI (injeção intracitoplasmática de espermatozoides). Esse método também pode ser realizado com sêmen doado anonimamente, oriundo de banco de gametas.

Após uma rigorosa avaliação da qualidade embrionária, os embriões são transferidos para o útero. O teste de gravidez e confirmação do sucesso do tratamento é realizado, aproximadamente, em duas semanas após a transferência.

Fertilização in Vitro – Perguntas frequentes:
Tenho interesse em fazer uma Fertilização In Vitro. O que devo fazer primeiro?

O primeiro passo é agendar uma consulta conosco para que o médico especialista possa analisar o histórico de tentativas e falhas para engravidar e, assim, submeter os pacientes aos exames que o caso exige, a fim de investigar os motivos dessa dificuldade.

O parceiro também é examinado e, geralmente, faz um exame conhecido como espermograma, onde será verificada a presença/ausência e a quantidade de espermatozoides.

Costuma-se realizar, também, a espermocultura, método usado para avaliar a presença de eventuais agentes que estejam comprometendo a fertilidade masculina.

Após analisar e avaliar os resultados dos exames feitos no casal, o médico especialista em reprodução humana estará apto a indicar o melhor tratamento a ser realizado, que poderá ser o da FIV, o da Inseminação Artificial, entre outros.

Entre em contato (31) 3487-6363 Segunda a Sexta: 08hs às 18hs
marque sua consulta via whatsapp (31) 98468-3749 Segunda a Sexta: 08hs às 18hs
ONDE ESTAMOS Avenida do Contorno, 4.461,
Funcionários - Belo Horizonte.