BLOG

COMO SABER SE SOU INFÉRTIL?

COMO SABER SE SOU INFÉRTIL?

Se você aparentemente é saudável, como é possível saber se é infértil? De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a infertilidade conjugal atinge cerca de 20 a 25% dos casais e, ao contrário do que muitas pessoas acreditam, ela afeta mulheres e homens na mesma proporção.

O recomendado é que o casal busque ajuda após 1 ano de tentativas sem sucesso, com a interrupção de todos os métodos contraceptivos. Vale destacar que a chances de gestação é de 20% a cada ciclo menstrual, mantendo relações dentro do período fértil. Ou seja, não é sempre que a concepção acontece logo nas primeiras tentativas e, por isso, é recomendado aguardar o período de 12 meses.

Esse tempo pode ser reduzido para 6 meses caso a mulher tenha mais de 35 anos e para homens com mais de 40 anos.  Após esse período, você precisa procurar ajuda médica para solicitar exames e descobrir as causas da infertilidade e os possíveis tratamentos.

 

Exames para detectar a infertilidade nos homens

 Vários fatores podem causar a infertilidade masculina. Além de doenças que podem comprometer a produção e a qualidade dos espermatozoides, a fertilidade do homem pode ser afetada por tabagismo, consumo de álcool e drogas, maus hábitos alimentares, obesidade, doenças sexualmente transmissíveis e até mesmo estresse.

O principal exame realizado é o espermograma, que consiste em uma avaliação minuciosa do sêmen, conferindo a quantidade de espermatozoides produzidos, bem como a qualidade, forma e mobilidade. A depender de cada caso, outros exames podem ser solicitados, como ultrassonografia da bolsa testicular, dosagem hormonal etc.

 

Exames para detectar a infertilidade nas mulheres

 A infertilidade feminina também pode ter diversas origens, como baixa reserva ovariana, ovários policísticos, endometriose, miomas, entre outras doenças ginecológicas. O estresse, a obesidade e os maus hábitos alimentares também podem influenciar negativamente na capacidade reprodutiva feminina.

Entre os exames mais realizados para investigar a infertilidade nas mulheres estão o ultrassom transvaginal e a dosagem hormonal, além de outros exames mais específicos dependendo de cada caso.

 

Descobri que sou infértil. E agora?

Primeiramente, você precisa optar por uma clínica que tenha profissionais éticos e especializados em tratamentos de reprodução humana, que possam te orientar com precisão sobre todos esses processos.

A abordagem irá depender do grau e causa da infertilidade. Entre os tratamentos mais consolidados estão a inseminação artificial e a fertilização in vitro (FIV).

O diagnóstico de infertilidade não é o fim do sonho de ter filhos. É apenas o início de uma nova trajetória a ser percorrida. O processo pode ser um pouco lento, mas com o avanço da tecnologia e com o tratamento correto, é possível gerar a vida. Vale a pena!

Entre em contato (31) 3487-6363 Segunda a Sexta: 08hs às 18hs
marque sua consulta via whatsapp (31) 98468-3749 Segunda a Sexta: 08hs às 18hs
ONDE ESTAMOS Avenida do Contorno, 4.461,
Funcionários - Belo Horizonte.